2013-02-21 • O regresso de Djunta Mon
Juntar as mãos (Djunta Mon) tem sido uma das iniciativas solidárias levadas a cabo por Nelson Évora, que tem promovido leilões de objetos seus. Os montantes angariados nesses leilões e ao longo do projeto têm revertido para o desenvolvimento da vida em Cabo Verde, um país ao qual Nelson está familiarmente ligado.
 
Em janeiro de 2008 o atleta português visitou as ilhas do Sal e de São Vicente, onde promoveu compra de material escolar. A interação de Nelson com estas ilhas decorreu de forma eufórica, em momentos especiais que o atleta português nunca esqueceu, na terra que não o viu crescer, mas que não esqueceu a sua origem. Para o dinheiro angariado contribuiu o leilão de um dos ténis de bico que usou para ser campeão do Mundo em 2007.
 
Em 2009 a iniciativa foi novamente com o leilão de um dos ténis de bico, desta vez o que lhe permitiu ser campeão olímpico, em 2008. O leilão decorreu numa plataforma própria e acabou a atingir o valor de 3500 euros, sendo o Instituto do Desporto de Portugal quem adquiriu o objeto de Nelson. O sapato foi entregue durante o Campeonato da Europa de Equipas, no Estádio Dr. Magalhães Pessoa, em Leiria.
 
No ano de 2013 a iniciativa irá regressar, durante o próximo mês de outubro, porque Nelson Évora não se esqueceu das suas origens. Esta nova fase da iniciativa irá apoiar outra ilha, a da Boavista. Mas não será só Cabo Verde a beneficiar do projeto Djunta Mon, já que também se prevê o apoio às escolas primárias de uma região de Portugal, que a seu tempo será anunciada. É esperar, porque vale a pena juntar as mãos para equilibrar a sociedade...